top of page

Fapeam e parceiros reúnem comunidade científica para esclarecer dúvidas sobre nova chamada da Iniciativa Amazônia+10



Por Esterffany Martins/Decon Fapeam

Fotos Nathalie Brasil/Decon Fapeam


Pesquisadores interessados em concorrer a Chamada da Iniciativa Amazônia + 10 – Expedições Científicas, Chamada Pública Nº 004/2023, participaram de Workshop, nesta quinta-feira (21/3), em formato híbrido, com o objetivo esclarecer dúvidas dos candidatos relacionadas ao edital. A ação é promovida pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas (Fapeam), em parceria com o Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (Confap) e Conselho Nacional de Secretários para Assuntos de Ciência Tecnologia e Inovação (Consecti).


Participaram da solenidade de abertura do Workshop, a diretora-presidente da Fapeam, Márcia Perales Mendes Silva; o secretário executivo de Ciência, Tecnologia e Inovação da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação (Sedecti), Jeibi Medeiros Costa; o secretário executivo da Iniciativa Amazônia +10, Rafael Andery; o vice-presidente executivo de Biodiversidade e Conservação da Fundação Xprize, Peter Houlihan; o coordenador-geral de Cadeias Produtivas dos Biomas e Amazônia do Ministério do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços (MDIC) e o Gerente de Meio Ambiente e Clima do Instituto Alana, JP Amaral.


Lançada em conjunto com o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), a Chamada recebe propostas até 29 de abril e visa apoiar projetos de pesquisa científica colaborativa e o desenvolvimento tecnológico na Amazônia Legal, com foco na melhor compreensão das interações natureza-sociedade para o desenvolvimento sustentável e inclusivo da região.


Durante o evento, a diretora-presidente da Fapeam, Márcia Perales Mendes Silva, destacou as peculiaridades e desafios do edital Expedições Científicas e que o Workshop é uma oportunidade  para esclarecer possíveis dúvidas da comunidade científica, reunindo em os parceiros institucionais, além de possibilitar o compartilhamento de  experiências de cientistas que já têm a prática das expedições, e que atuam de forma colaborativa.


“Nós temos pesquisadores de diversas instituições, temos pesquisadores de outros países e todos eles estão aqui, com uma participação muito boa não somente presencial, mas também acompanhando no YouTube, justamente para ter a clareza necessária para que eles possam compor as suas equipes e apresentar as melhores propostas para concorrer ao Amazônia+10 Expedições Científicas”, disse Márcia Perales.


Na oportunidade, o secretário-executivo da Iniciativa Amazônia + 10, Rafael Andery, reforçou que o edital conta com financiamento total no valor de R$ 95 milhões, aportados por 24 agências financiadoras entre as Fundações de Amparo à Pesquisa, CNPq e agências estrangeiras que participam da Chamada.


“A ideia do edital de expedições científicas é financiar trabalhos de campo para superar vieses espaciais, ou seja, entender melhor áreas pouco estudadas ou pouco compreendidas do bioma amazônico e vieses taxonômicos, ou seja, procurar ter um entendimento e um conhecimento melhor de espécies pouco estudadas, de grupos da fauna pouco estudados. Tem um conjunto bem amplo de projetos que podem ser financiados no âmbito da iniciativa”, detalhou.


Rafael reforçou ainda que o Amazonas é o sétimo estado da Amazônia Legal a realizar o Workshop, e que a dinâmica realizada em Manaus  traz o conceito de painéis temáticos, que abordam assuntos importantes da Chamada, por exemplo, destacando boas práticas para a organização dessas expedições, o trabalho de campo que traz pesquisadores que já são bem-sucedidos nesse tipo de trabalho.


Para o coordenador-geral de Cadeias Produtivas dos Biomas e Amazônia do Ministério do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços (MDIC), João Francisco Maria, o edital está no contexto geral das ações do Ministério de fomentar a bioeconomia e a socio-bioeconomia por meio do diálogo entre saber científico, a base da inovação tecnológica e os saberes e conhecimentos tradicionais.


“É uma importante iniciativa para ampliar a divulgação desse edital, principalmente com a comunidade local, com os pesquisadores e a população da região da Amazônia. O Workshop tem um papel importante nisso, em trazer essas oportunidades e divulgar amplamente isso na região”, pontuou.


O gerente de Meio Ambiente e Clima do Instituto Alana, JP Amaral, destacou o Prêmio XPrize Rainforest, que apoia pesquisas do mundo inteiro para tecnologias de mapeamento de biodiversidade, cuja final ocorrerá no mês de julho, em Manaus.


“Com a Iniciativa Amazônia+10, essa Chamada para as expedições científicas, tivemos uma sinergia muito grande em acreditar que precisamos fomentar essas pesquisas que são mais desafiadoras e, principalmente, a gente entende que precisa unificar esse conhecimento científico com o tradicional e isso também é uma premissa do prêmio, que a gente tem apoiado junto com a Fundação X-Prize também aqui”, detalhou.



Os detalhes do edital da Chamada da Iniciativa Amazônia + 10 – Expedições Científicas foram apresentados pelo assessor da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp) para a Iniciativa Amazônia+10 João Arthur Reis, que faz parte da equipe do Programa e trouxe informações acerca do edital, entre as quais: objetivo, investimentos, parceiros institucionais envolvidos e eixos prioritários.


O Workshop também teve quatro painéis, que contaram com a participação de mediadores e painelistas de instituições regionais, nacionais e internacionais, com as temáticas distribuídas em:  “Melhores Práticas em Expedições Científicas”; “Participação e protagonismo indígena e de comunidades tradicionais na pesquisa”; “Diretrizes éticas e regulatórias para realização de expedições científicas” e “Tecnologias emergentes em biodiversidade e integração de dados para pesquisa na Amazônia”.


O vídeo do Workshop da Iniciativa Amazônia +10: Expedições Científicas está disponível no Canal do YouTube da Fapeam, em:  https://www.youtube.com/watch?v=UNYedMcme84




Comments


bottom of page